Saiba o que é efeito agulha e como harmonizar vinhos com esse perfil


Saiba o que é efeito agulha e como harmonizar vinhos com esse perfil

No mundo dos vinhos existem muitos termos que podem ser desconhecido para a maioria das pessoas. Porém, para quem gosta do assunto é sempre interessante aprender mais. Pensando nisso, você sabe o que é o efeito agulha?

O nome pode causar certa estranheza, mas se você é degustador de vinhos, provavelmente já experimentou esse fenômeno. Ficou curioso para saber o que é, onde encontrar e como harmonizar as bebidas que apresentam essa sensação? Continue a leitura, pois, neste post, falamos tudo o que precisa conhecer sobre efeito agulha. Confira!

O que é o efeito agulha?

Quem tem medo de agulha pode ficar despreocupado. Não se trata do instrumento, mas da sensação que ele provoca, em menos intensidade, obviamente. Os vinhos de efeito agulha geram uma leve picância na língua, como se fossem picadas bem leves.

Esse fenômeno é causado pela presença de pequenas e finíssimas borbulhas. Nos frisantes e espumantes, elas são visíveis, pois há o desprendimento do gás carbônico. Já nos vinhos tranquilos com efeito agulha, elas são praticamente imperceptíveis à visão, mas não escapam da percepção do paladar

A verdade é que o gás carbônico é presente na maioria dos vinhos. É comum ter algum teor residual dele após a fermentação alcoólica. No entanto, algumas bebidas apresentam mais, outras menos.

Aliás, em regiões de clima muito quente, as uvas perdem muita acidez durante a maturação. Por isso, os enólogos costumam deixar um pouco de gás carbônico no vinho, propositalmente, para aumentar a sensação de refrescância da bebida.

Dica: Como escolher os melhores vinhos?

Quais os vinhos apresentam essa sensação?

No Brasil não existe definição legal para esse tipo de vinho na legislação sobre gás carbônico. Apenas classificam em espumantes e frisantes, de acordo com a intensidade das borbulhas.

Já em alguns países europeus é possível encontrar uma legislação específica. Por exemplo, em Portugal, a bebida pode ser nomeada como vinho com agulha quando tem gás carbônico perceptível e pressão interna abaixo de 1 bar.

Então, como saber qual o vinho apresenta efeito agulha, se a maioria não consta nos rótulos? Há como saber pelas características da bebida. Os Vinhos Verdes são bons exemplares do efeito agulha, pois todos apresentam essa leve efervescência.

O nome não é uma referência à cor. O Vinho Verde pode ser branco, rosé ou tinto. Alguns dizem que se refere ao lugar em que são elaborados, já outros falam que é sobre os atributos da bebida, que é jovem, leve e fresca.

Outros vinhos que também contêm efeito agulha são os mais jovens, que tem maior residual de gás carbônico, e com maior acidez, como espumantes e frisantes.

Conheça todos os rótulos da Famiglia Valduga em nossa loja online!

Adquira os vinhos da Famiglia

Como harmonizar vinhos com efeito agulha?

Agora que você já sabe o que são os vinhos com efeito agulha, está na hora de conhecer as harmonizações com a bebida. Para ter uma experiência incrível ao degustar um belo exemplar, siga as nossas dicas.

Pratos e refeições leves

Os vinhos com efeito agulha são leves e refrescantes, portanto pedem pratos igualmente equilibrados para serem ressaltados, e não ofuscados. Os rosés e brancos podem acompanhar saladas e carnes brancas, e os tintos são uma excelente pedida para um bife grelhado.

Quer surpreender os convidados de um brunch? Substitua os frisantes e espumantes por um Vinho Verde rosé ou branco. Ele combina perfeitamente com esse tipo de refeição.

Comida japonesa

Quer fugir do lugar-comum, que é degustar o saquê ao comer sushis e sashimis? Experimente harmonizar esses pratos com Vinho Verde branco. A sua leveza, acidez pronunciada e discrição são ótimos para os sabores suaves dos peixes da culinária japonesa.

Frituras

As frituras, como os bolinhos de arroz e de bacalhau, a batata frita e até mesmo o frango a passarinho, pedem vinhos que deixam a gordura menos enjoativa. Sendo assim, os vinhos brancos com efeito agulha são ideais. A acidez da bebida faz com que esses pratos fiquem equilibrados e ainda mais saborosos.

Peixes e frutos-do-mar

Os vinhos brancos e rosés com efervescência estão para peixes e frutos do mar, assim como os licorosos estão para as sobremesas. Ou seja, um complementa o outro de maneira perfeita.

Pratos que levam camarão, polvo e mariscos, como tortas, massas e risotos, são ótimos candidatos a serem harmonizados por essas bebidas. Porém, não é só isso, os Vinhos Verdes tintos são tão leves que podem também acompanhar peixes com sabores pronunciados, como o atum. Que tal?

Dica: 6 dicas incríveis de harmonização de vinhos

Quais as sugestões de vinhos?

Quer experimentar vinhos com efeito agulha? Então, após aprender como harmonizá-los, confira as nossas sugestões para ter uma degustação maravilhosa desse tipo de bebida

Vinhos Verdes Calamares

Os Vinhos Verdes Calamares proporcionam uma experiência única — cada gole exprime a sua delicadeza, com aromas intensos e acidez presente. Eles têm embalagens com design diferenciado, que encanta aos olhos. Para quem gosta de novidades, não pode deixar de experimentá-los.

Calamares rosé apresenta notas de frutas vermelhas, como cereja, morango e groselha, enquanto o Calamares branco tem aroma intenso de frutas cítricas e de polpa branca. Ambos têm baixo teor de álcool, são leves, refrescantes e dão a sensação de efeito agulha por sua leve efervescência.

Frisantes e espumantes

Como dissemos, os frisantes e espumantes mais jovens também contém efeito agulha ao paladar. A linha Ponto Nero Live Celebration conta com uma variedade de uvas, podendo ser branco ou rosé. Eles são leves e descomplicados, ideais para serem degustados a qualquer hora.

Linha Arte Tradicional da vinícola Casa Valduga também é um belo exemplar de espumante. É elaborada a partir do método champenoise. Aos 12 meses de maturação, apresenta perlage fino e duradouro. Tem leveza e frescor, com notas de frutas tropicais e exóticas.

Os vinhos com efeito agulha são aqueles que conferem uma sensação picante e agradável na língua, como se fosse finas agulhas. Os Vinhos Verdes são bons exemplos, assim como os espumantes e frisantes mais jovens. É um tipo de bebida leve, refrescante e com acidez elevada, com harmonização ideal em pratos que precisam dessas características para serem realçados.

Confira na loja online, todos os produtos da Famiglia Valduga!

Conheça mais sobre os produtos da Famiglia

Que tal aproveitar que está por aqui e aprender mais sobre harmonização de queijo e vinhos? Leia o nosso artigo e confira!




Por
26/11/2019

Enólogo e Embaixador da Marca


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!