Por que o vinho da região de Bordeaux é tão especial?


Por que o vinho da região de Bordeaux é tão especial?

Algumas regiões são famosas por suas produções, independente do seguimento, não é? Quando falamos sobre filmes, logo pensamos em Hollywood. Massas? Certamente, a Itália. Porém, e quando nos referimos aos melhores vinhos de todo o mundo? Nesse caso, há uma grande possibilidade de você ter pensado imediatamente na região de Bordeaux, localizada na França.

Não é à toa que associamos Bordeaux aos vinhos de qualidade com toda essa facilidade. Essa região está historicamente ligada à produção vinícola, com uma tradição que já dura alguns séculos e que não mostra sinais de enfraquecimento, mesmo nos dias atuais.

Afinal, o que torna essa região assim tão especial? Por que os vinhos produzidos por ali são tão inesquecíveis e marcantes? A seguir, descobriremos um pouco mais sobre as características que fazem essas bebidas terem a reputação que têm hoje e quais são as razões para Bordeaux ser o lar de produtos tão extraordinários. Boa leitura!

Onde fica a região de Bordeaux?

Bordeaux (pronuncia-se bordô) é uma região francesa localizada ao oeste da França e está a cerca de 500 km da capital, Paris. Além disso, é banhada pelo grandioso estuário do Gironde. Ah! Quem não sabe, estuário é o nome dado a um ambiente aquático que liga o mar/oceano a outros rios, nesse caso, o oceano Atlântico aos rios Dordogne e Garone.

As videiras cultivadas nesse local, bem como o vinho resultante de seus frutos, são o reflexo desses fatores ambientais que tornam Bordeaux uma das regiões mais famosas, curiosas e desafiadoras para a viticultura

Qual é a relevância histórica dessa região?

Como você deve imaginar, Bordeaux é praticamente inestimável para os franceses, que defendem com “unhas e dentes” sua tradição vinícola e gastronômica. Em primeiro lugar, esse local é de uma grande importância econômica, sendo um dos grandes polos responsáveis pela circulação de dinheiro na França. Para muitos, inclusive, Bordeaux é vista como a nova Paris.

Outra característica relevante do local está em sua carga histórica e cultural. A elaboração de vinhos por aqui é extremamente significativa e essa região foi também muito marcante durante a formação do estado francês, servindo como uma área de comércio e estruturação econômica, até pela possibilidade de escoar sua produção pelo oceano, para que finalmente fosse consumido pelos ingleses, apreciadores da bebida há muitos séculos.

Dica: A história do vinho no mundo: entenda como esta bebida colonizou os continentes

Os vinhos, como sabemos, são um assunto sério e um determinante fator cultural para os franceses, sendo que em Bordeaux os primeiros relatos acerca da qualidade da bebida remontam ao século IV. Contudo, foi somente no ano de 1855 que a classificação mais famosa, e que perdura até hoje, foi conferida aos vinhos ali produzidos, solicitada pelo imperador Napoleão III.

O objetivo desta classificação era "organizar" o setor vitícola local, observando que a maior parte dos vinhos era comercializada em barris de madeira e o conteúdo era facilmente adulterado. Assim surgiu o conceito de Cru Classé, fragmentando em 5 categorias os vinhedos que culminam nos icônicos vinhos de Bordeaux. Ficou confuso? Calma! Continue a leitura que iremos explicar essa terminologia para você.

Quais são as características desse local?

A região está em um ambiente de clima temperado oceânico. Isso faz com que tenha verões quentes (e muitas vezes, chuvosos) e invernos frios. De maneira geral, quanto menor a incidência de chuvas no verão, maior a probabilidade da safra ser boa, contudo, é que de ano para ano há variações nas safras, fazendo com que vinhos de safras excepcionais custem verdadeiras fortunas.

Como já mencionamos aqui no blog, grandes vinhos surgem em locais especiais, repletos de cuidados e peculiaridades. Não é diferente com Bordeaux, possuindo uma riqueza de solos e microclimas bastante instigante. Lembra dos rios que compõe o estuário do Gironde? Então, tamanha é a influência desse fluxo de água que os solos da região são totalmente diferentes de acordo com a margem em que estão localizados.

A margem esquerda do rio é conhecida pela riqueza em pedras, facilitando a drenagem da água das chuvas e favorecendo o cultivo da clássica Cabernet Sauvignon. Já o lado direito, o solo é mais argiloso, e em alguns pontos possui uma coloração azulada, conferindo à uva Merlot o título de casta mais cultivada

Confira no banner abaixo o guia sobre os principais tipos de uvas utilizados para a produção de vinhos ao redor do mundo. 

conheça os principais tipos de uvas usados na produção e vinhos

Quais são as uvas mais cultivadas na região de Bordeaux?

A região de Bordeaux é tão famosa pelos seus vinhos que as castas utilizadas são conhecidas mundo afora, sendo chamada de uvas internacionais ou mesmo globalizadas. Tenho certeza que você já ouviu falar e também já degustou várias delas. Acompanhe!

A maioria dos vinhos aqui produzidos são blends, ou seja, uma mistura de duas ou mais uvas. Outra característica muito importante para a excelência dessas bebidas é a larga tradição, que faz com que haja um bom investimento na produção vinícola e muita tecnologia envolvida em todos os processos.

Afinal, quais são as classificações utilizadas na região?

Por fim, que tal conversarmos brevemente sobre as classificações de vinho da região de Bordeaux? Esse tema costuma trazer muita confusão e, portanto, é interessante o abordarmos a fim de elucidar dúvidas comuns.

Temos que deixar claro que Bordeaux é conhecida como uma macrorregião e que dentro dela há várias outras, com singularidades e, até mesmo, regras e classificações distintas. Sim, meu amigo, a enologia francesa às vezes pode ser confusa. 

Citamos no início do texto que no ano de 1855 foi criada a primeira fragmentação sobre os vinhos da região. A palavra escolhida para representar os pequenos lotes foi "Cru", que deriva do verbo "croitre", que por fim significa crescer. Sendo assim, os produtores foram separados em 5 classes (Classé) de acordo como a qualidade e consistência (frequência ano após ano) de seus vinhos. Assim nasceram os Premier, Deuxièmes, Troisièmes, Quatrièmes e Cinquièmes Cru Classé

Hoje, outras microrregiões de Bordeaux e outras regiões francesas, como a Borgonha, têm suas próprias exigências para classificar seus vinhos

Dica: 6 motivos para conhecer a região de Champagne na França

Como não errar na hora de escolher um exemplar de Bordeaux?

Agora que já conhecemos um pouco mais sobre região e suas características mais marcantes, que tal ficarmos por dentro de como comprar bons vinhos produzidos em Bordeaux?

Nossa dica é sempre clara: escolha produtos de vinícolas tradicionais ou de lojas e importadoras que tenham um comprometimento com a qualidade dos itens comercializados. Nossa sugestão são os vinhos da Maison Sichel, tradicional empresa familiar que a séculos produz rótulos renomados nos mais distintos estilos de Bordeaux. Seja através de intensos e longevos vinhos tintos, como o Château L'Enclos Pomerol, brancos aromáticos como o Château Argadens, ou mesmo com o "rei dos vinhosChâteau Guiraud, elaborado através de uvas botritizadas.

Compre os vinhos de Bourdeaux na loja virtual da Famiglia Valduga!

adquira os vinhos da Famiglia

Como podemos observar, a região de Bordeaux é muito mais do que um belo lugar no interior da França. Essa área tem uma relevância histórica inestimável e é extremamente privilegiada, fazendo com que esse conjunto de características produza uvas de altíssima qualidade e vinhos famosos em todo o planeta!

Para que mais pessoas saibam, de uma vez por todas, quais são as razões que tornam a região de Bordeaux tão especial e única, que tal compartilhar esse artigo em suas redes sociais? Assim, seus amigos também poderão conferir esses motivos!




Por
13/08/2019

Enólogo e Embaixador da Marca.


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!