Conheça os 5 vinhos mais recomendados para consumir no outono


Conheça os 5 vinhos mais recomendados para consumir no outono

Com o final do verão, entra em cena uma das estações mais charmosas, o outono. Conhecido por seu clima ameno e paisagens bucólicas nos convidando a experiências mais intimistas (e calóricas). Em relação às bebidas, os hábitos também mudam, onde os refrescantes espumantes, vinhos brancos e roses perdem um pouco de espaço para os tintos, sejam eles mais leves ou mais estruturados. 

A famosa bebida de Baco é originada pelo processo de fermentação alcoólica do suco das uvas, através da ação de micro-organismos fantásticos, chamados de leveduras. Esses fungos consomem os açúcares da fruta, transformando-os em álcool e gás carbônico. Sendo assim, quanto maior a concentração de açúcar nas uvas, maior será o teor alcoólico da bebida. 

Considerando o parágrafo anterior, lembre-se: o álcool provoca uma sensação de aquecimento em nosso organismo, então os vinhos feitos para "refrescar", como os espumantes e rosés, são propositalmente menos alcoólicos. Já os vinhos que apresentam um pouco mais de estrutura e combinam com comidas mais pesadas possuem uma tendência de serem mais alcoólicos.

Pensando nisso, preparamos este artigo que irá esclarecer várias dúvidas sobre vinhos e comidas para o outono, além de sanar algumas curiosidades acerca do incrível mundo dos vinhos. Boa leitura!

O ciclo da videira

O ciclo da videira passa por quatro fases principais: dormência, brotação, floração e maturação. O primeiro estágio acontece em parte do outono e se estende por todo o inverno. Nesse momento, não há atividades de crescimento, não havendo produção de folhas ou frutos. Este estágio é de suma importância para que a planta possa acumular "forças" para as outras fases. 

Dica: É tempo de vindima: saiba como é o período de colheitas das uvas em solo brasileiro

A brotação se inicia no final do inverno, quando as temperaturas começam a subir. O período representa o fim da inatividade e o começo de um novo ciclo vegetativo. De maneira geral, a brotação é estimulada pela poda, favorecendo a circulação da seiva onde se encontram os nutrientes necessários para o desenvolvimento da planta. 

Depois, os brotos se abrem e dão vida às primeiras folhas. A partir desse estágio, temos a floração. Nela, os primeiros e pequenos cachos surgem com minúsculas flores. Lembrando que a videira é uma planta hermafrodita, onde a polinização é efetuada por distintos vetores, como abelhas, insetos ou mesmo o vento. Após ocorrer a fecundação, as paredes do ovário se desenvolvem, formando a casca e a polpa das bagas (uvas).

Por fim, a última etapa determina a qualidade da colheita. A maturação ocorre durante o verão e, em alguns casos específicos, em meados do outono. A maturação das uvas está dividida em três grupos que poucas vezes são mencionados. 

1- Maturação Enológica: equilíbrio entre açúcares e acidez;

2- Maturação Aromática: desenvolvimento de aromas finos, diminuindo as notas vegetais;

3- Maturação Fenólica: Muito importante nos vinhos tintos, pois os polifenóis proporcionam a cor e estrutura ao vinho resultante. 

Dicas para escolher a bebida ideal

Antes de definir o vinho ideal para o outono, confira algumas dicas que vão lhe ajudar com a escolha.

Prefira vinhos mais encorpados

Procure vinhos para o outono que apresentem mais estrutura. Os tintos elaborados com as uvas, Cabernet Franc, MalbecSyrah são ótimas opções, pois além de serem mais encorpados, ao mesmo tempo, são mais delicados e macios em relação aos taninos. Além disso, combinam com vários pratos quentes.

Dica: Tipos de uvas: tudo o que você precisa saber

Também é possível aproveitar boas opções de vinhos brancos, basta procurar rótulos com passagem por madeira e caráter mais maduro. Sendo que o vinho branco mais lembrado é, sem dúvidas, um grande Chardonnay

Observe o cardápio que será servido

Os pratos que serão acompanhados do vinho também merecem atenção. Com a temperatura mais baixa, nosso corpo tende a preferir alimentos mais pesados e nutritivos, deixando os pratos leves e as saladas de verão de lado.

Dica: 6 dicas incríveis de harmonização de vinhos

Os ingredientes mais comuns nessa época do ano são a abobrinha, a mandioca, a abóbora, a batata-doce, o quiabo, a berinjela e o pinhão. É fácil fazer diversas combinações com esses vegetais e montar boas opções de pratos para harmonizar com vinhos. Não podemos deixar de lado os deliciosos queijos e carnes, sempre bem-vindos quando apreciamos bons vinhos. 

Prefira vinhos com intensidade de aroma e sabor

Se ficar na dúvida, uma boa dica é optar por exemplares macios e fáceis de beber. Isso funciona muito bem quando a bebida é apenas um aperitivo, ou seja, não será necessariamente acompanhada por algum alimento. Nesses casos, prefira vinhos aromáticos, com notas de especiarias e frutas maduras. Características proporcionadas pelo estágio em madeira, como cacau, tabaco e café,  também fornecem uma experiência sensorial incrível.

Dica: Quais são as diferenças entre os vinhos do velho e do novo mundo?

Ótimas opções de vinhos para o outono são oriundas do sul do Brasil, mais precisamente da região da Campanha Gaúcha. Eles combinam muito bem com essa estação, pois reúnem todos os requisitos necessários. São vinhos de corpo médio, com aromas de frutas e especiarias, álcool e acidez bem integrados, tornando a bebida agradável. Experimente harmonizá-los com um filet au poivre, queijos amarelos e embutidos.

Os melhores vinhos para o outono

A seguir, listamos algumas opções de rótulos que você pode escolher para degustar durante o outono. Os pratos sugeridos foram pensados com os ingredientes frescos disponíveis nessa época.

1. Casa Valduga Terroir Merlot Rosé

Com aromas intensos e acidez vibranteesse vinho é perfeito para acompanhar o famoso camarão na moranga. O prato combina com rosés mais marcantes. Também é possível combinar esse prato com um bom Chardonnay

Terroir Merlot Rosé
Clique na imagem acima e confira mais detalhes do produto!

2. Maquis Carménère

Embora a uva Carménère não seja reconhecida por tintos encorpados, a proposta da Vinícola Maquis é extrair a máxima potencia dos vinhos, resultando em produtos de extrema elegância. A grande personalidade deste produto acompanha com maestria os dias mais amenos. Combina com pratos assados e não muito gordurosos, podendo ser servidos como entrada, como a abobrinha recheada com carne moída.

Maquis Carménère
Clique na imagem acima e confira mais detalhes do produto!

3. Vistalba Corte B

Pratos quentes e cremosos são protagonistas em dias mais frios. Na culinária francesa uma das receitas mais famosas e apreciadas em todo o mundo é o Boeuf Bourguignon, onde pedaços de carnes e legumes são cozidos por longo tempo em vinho tinto. Para essa suculenta opção, não hesite em escolher vinhos em que a uva Malbec seja predominante. 

Seus aromasfrutas negras maduras, além das notas de especiarias e delicados traços tostados encantam os mais distintos paladares. 

Vistalba Corte B
Clique na imagem acima e confira mais detalhes do produto!

 

4. Terroir Exclusivo Tannat

Que os vinhos da uva Tannat já ganharam espaço nas adegas dos brasileiros é inegável, mas o Terroir Exclusivo Tannat da Casa Valduga ainda é desconhecido por muito consumidores. Este exemplar foi lançado há poucos meses, sendo o resultado de um lote limitado de garrafas, podendo ser encontrado somente na loja virtual ou na Enoboutique da Vinícola

Produzido com uvas da Campanha Gaúcha, possui intensidade e firmeza sem perder a elegância e sofisticação. Um Tannat contemporâneo que chancela a expertise enológica de uma das mais tradicionais vinícolas do Brasil.

Terroir Exclusivo Tannat
Clique na imagem acima e confira mais detalhes do produto!

5. Gran Raízes Corte

No outono, as noites de queijos e vinhos tornam-se mais comuns e são ocasiões perfeitas para reunir os amigos em casa. O ideal é escolher uma bebida que tenha corpo e sabor compatíveis com a intensidade do sabor do alimento, além de taninos que equilibrem a gordura.

Queijos que passaram por um longo período de maturação, sendo caracterizados pelo gosto marcante combinam com a época. Nesses casos, o ideal é optar por vinhos encorpados ou frutados, como o Cabernet Sauvignon.

Gran Raízes Corte
Clique na imagem acima e confira mais detalhes do produto!

Antes de comprar os vinhos para o outono, lembre-se que qualidade é algo muito pessoal e que você é o responsável por treinar seus sentidos. Então, mãos à obra! Pegue a taça e o saca-rolhas e desfrute de momentos únicos que somente o vinho e uma boa companhia poderão te proporcionar. 

Gostou das dicas? Quer adquirir vinhos de qualidade para compor suas harmonizações? Então, acesse nossa loja virtual e conheça nossas opções!

Adquira os vinhos da Famiglia




Por
02/04/2019

Enólogo e Embaixador da Marca.


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!