Taxa de rolha: posso levar meu próprio vinho ao restaurante?


Taxa de rolha: posso levar meu próprio vinho ao restaurante?

Alguma vez você já se pegou com vontade de ter um chef na sua casa para preparar uma refeição digna do vinho que está acompanhando-a, ou mesmo de levar consigo ao restaurante aquela garrafa que você estava guardando para a ocasião certa? Pois então temos uma boa notícia: dependendo do estabelecimento, é, sim, permitido trazer sua bebida de casa, sabia? 

No post de hoje, vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre a chamada “taxa de rolha”, além de como proceder caso queira levar um dos seus rótulos mais especiais para ser degustado junto a pratos igualmente deliciosos. Confira!

O que é a taxa de rolha?

Quando você leva uma garrafa de vinho ao restaurante, o estabelecimento que aceita a prática terá todo o prazer em abrir a garrafa para você, mantê-la na temperatura ideal, bem como ficar de olho para deixar a sua taça e a dos outros convidados sempre adequadamente cheias. E é esse o serviço cobrado na chamada taxa de rolha.  

Em alguns restaurantes, a taxa pode ser equivalente ao vinho mais barato da casa, ou então valer só para a segunda garrafa trazida por você. Em outros, o valor é fixo e pode chegar até os R$ 100. O melhor, portanto, é checar qual é a política do estabelecimento antes de tirar o vinho da sua adega, ok?

VILLA-LOBOS CABERNET SAUVIGNON 

Quando é adequado levar uma garrafa ao restaurante?

A intenção de quem leva seu próprio vinho para o restaurante é justamente a de unir a qualidade de uma garrafa excepcional com os pratos do estabelecimento. Por isso, aposte nessa medida apenas no caso de rótulos realmente especiais, que você deseja apreciar enquanto saboreia uma refeição digna daquela safra.

Celebrações, a dois ou em família, também são bons momentos para sacar a rolha de vinhos mais finos, que você estava guardando para aquela ocasião, não acha? Com um pouco de bom senso, temos certeza de que você não cometerá nenhuma gafe!

STORIA MERLOT

Qual é o passo a passo para levar seu próprio vinho?

Agora que você já está mais entendido, anote o passo a passo para não errar na hora de trazer consigo uma garrafa de vinho ao restaurante:

  1. Ligue para o estabelecimento para fazer uma reserva e procure saber sobre sua política em relação à taxa de rolha.

  2. Escolha um rótulo que harmonize bem com a gastronomia do restaurante. Na dúvida, vale consultar o menu e até o sommelier para ter certeza de que os pratos vão mesmo deixar seu vinho brilhar — e vice-versa.

  3. Chegando no restaurante, procure o maître para achar sua mesa e confie a garrafa a ele ou ao sommelier, para que seja aberta no momento certo.

  4. Na hora da ir embora, verifique se a taxa veio como combinado na conta. Uma gorjeta a mais ao sommelier ou garçom também é sempre bem-vinda!

De maneira geral, o importante ao levar uma garrafa da sua coleção para tomar no restaurante é se lembrar de que há muitos estabelecimentos que proíbem a prática, por isso, naqueles em que isso é aceito, vale a pena empregar todo o bom senso e a polidez e contribuir para que a permissão continue em vigor!

Conheça mais sobre os produtos da Famiglia

E aí? Gostou do conteúdo? Que tal compartilhá-lo com seus amigos nas redes sociais?




Por
02/02/2017

Embaixadora Famiglia Valduga


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!

Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!